voltar

Postado em: 08/01/2016 10:47:56

Beneficente Portuguesa assina contrato de financiamento do novo hospital com o Banco da Amazônia

Com a presença do ministro da Integração Nacional e hidrovias Helder Barbalho e ministro da interação nacional. Foi assinado em 07 de janeiro de 2016 contrato para financiamento para a construção e operacionalização do novo hospital da Beneficente Portuguesa, o Hospital São João de Deus. O ato coroa grande esforço da Diretoria e equipe do hospital, que desde 2014 negociava com a Diretoria do banco o projeto de financiamento com recursos do FNO - Fundo de Institucional de e Desenvolvimento do Norte. Serão 145 milhões de reais a disposição da Beneficente Portuguesa, recursos que garantirão a manutenção do atual ritmo das obras. Em seu discurso, o ministro Helder Barbalho falou de sua satisfação em participar do ato, da importância da Beneficente Portuguesa para a saúde pública do estado do Pará e região norte do Brasil e, principalmente, por ser a Beneficente Portuguesa "o hospital onde nasceu assim como a maioria dos presentes à solenidade". A Diretoria esteve representada na mesa diretora dos trabalhos, no Auditório da sede do Banco da Amazônia, pelo vice-presidente José Fragoso Rei, estando também presentes todos os diretores e grande número de conselheiros efetivos e suplentes do Conselho Deliberativo, Conselho Fiscal, e mesa da Assembleia Geral. Entre todos estavam presentes os sócios e dirigentes da Beneficente Portuguesa: João dos Santos Vaz Pisco, Francisco Felipe Tamer França, Luis Sergio Chermont Rodrigues entre outros.

Beneficente Portuguesa assina contrato de financiamento do novo hospital com o Banco da AmazoniaO projeto de financiamento foi desenvolvido pela empresa ADG Consultoria com grande participação da equipe de arquitetura e engenharia responsável pela construção, sob coordenação da empresa LINK da Amazônia. O projeto teve seu início com a visita de prospecção ao Hospital D Luis I, quando o superintendente de negócios do Banco da Amazônia, Luis Feio e os gerentes de nossa agência André Vargas e Raimundo Gerson que além de conhecerem os números e resultados da grande instituição filantrópica, conheceram o trabalho social e humanitário desenvolvido, com destaque para o atendimento aos pacientes do Sistema Único de Saúde - SUS ao qual são dedicados 60% de todas as atividades medico hospitalares prestadas. A equipe de analistas dos dados do Banco da Amazônia com grande participação da Engenheira Carmem e  o economista Manoel, realizaram detalhados estudos no projeto do Hospital São João de Deus e sua viabilidade econômica e financeira, que culminou com visita a obra em andamento, recebidos, naquela oportunidade, por todos os diretores e coordenadores da equipe de contadores da instituição. Helder Serra, consolidou informações e liberou tecnicamente o projeto. O contrato de financiamento foi assinado pelo presidente do Banco da Amazônia e diretores e pela Beneficente Portuguesa pelo presidente em exercício Jose Fragoso Rei (que na oportunidade substituía o presidente Francisco Roberto França) Antônio Alves dos Santos e Luiz Paulo Figueiredo Pina.

É de destacar na consolidação do contrato assinado, a participação do diretor hospitalar Samuel Carlos Reis e Silva que, juntamente com os diretores da empresa ADG Consultoria Albert Gabay e Juraci, mobilizaram toda a equipe de administração e operacional da Beneficente Portuguesa para conseguir as informações, cronogramas e orçamentos solicitados pelo Banco da Amazônia. Sempre apoiando todos os trabalhos de desenvolvimento do projeto FNO esteve o presidente da Assembleia Geral Anisio Pereira Monteiro, juntamente com o Conselheiro Nelson Carrasco, respectivas mesas diretoras e os gerentes administrativos do hospital D. Luiz I que contribuíram fortemente para o esclarecimento aos sócios e consequente aprovação para assinatura do contrato fundamental para o futuro da Beneficente Portuguesa. O Hospital São João de Deus, além de mais que dobrar a capacidade do Hospital D Luis I, se propõe a contribuir com mais 160 anos para nossa comunidade paraense e luso brasileira. A participação do corpo clinico da Beneficente Portuguesa e da equipe da Diretoria Técnica tem sido fundamental desde o primeiro momento na definição do Programa de Necessidades do empreendimento e no incentivo permanente que tem dado à Diretoria em todos os momentos. A Diretoria entende que os médicos e as médicas são os principais clientes de um hospital. Contando com essa permanente parceria, o projeto do Hospital São João de Deus foi concebido com a participação dos médicos Heder Souza, Silvana Campos, Andrea Gomes, José Antonio Brito dos Santos, Paulo Moura, Mario Homma, Chedem Bitar, Armando Acatauassu, Gonçalo Brandão, Alexandre Borges, Antonio Guerra, Luis Ferreira, Itala Ibanilda, João Clementino, Socorro, Luis Roberto Matos, Marcelo Seabra, Boni, Albedy, Mora, Maues, Portela, Carlos Bragança, Paulo Mendes, Ana Jacirema, Dionisio Bentes, Alberto Mauro Anijar, Procion Klautau, Mariano Macedo, Roger Normando, Heloisa Guimaraes, Paula Mubarac, Monica, Ludmila, Guilherme Chaves Neto, Acacio Centeno, Mauro Pantoja, Silvia Andrade, Haroldo Santos, Oseias Santos, Nonata, Rafaela, entre outros que compõem o Quadro Clinico do nosso Hospital D. Luiz I. Com seu incentivo desde o início do empreendimento, os chefes do corpo clinico eméritos Dr Guilherme Guimaraes (in memoriam), Dr Henrique Neto e Dr Antônio Cesar Neves.

voltar
|